quarta-feira, 28 de setembro de 2016

6º BPM REALIZA REUNIÃO DE TROPA SOBRE AS ELEIÇÕES




A tropa do 6º Batalhão de Polícia Militar reuniu-se para tratar das Eleições 2016, na manhã desta quinta-feira (22), no Colégio Estadual de Senhor do Bonfim.
O objetivo do encontro, que contou com as presenças da Dra. Ana Lúcia Ferreira, juíza de direito, da Dra. Ítala Suzana da Silva, promotora de justiça e do Dr. Felipe Nery, coordenador da Coordenadoria Regional de Polícia do Interior, foi instruir a tropa sobre crimes eleitorais e esclarecer sobre os procedimentos necessários.
No dia 2 de outubro serão proibidas carreatas, aglomerações, qualquer tipo de propaganda, alto-falante, transporte de eleitores e venda de bebida alcoólica. O candidato não pode usar adesivos em sua roupa, nem no veículo que utilizará para ir votar. Os fiscais devem utilizar somente crachá com nome e partido, sendo vedado o uso de roupas da cor do seu partido.
É facultado ao eleitor manifestação de sua preferência, como camisa, bandeiras e adesivos, contanto que seja de forma individual e silenciosa.
Ao final, o Tenente Coronel PM Soares, Comandante do 6º BPM, alertou sobre o bom senso e legalidade das ações policiais e lembrou que, embora sendo vedado o cumprimento de mandado, o trabalho segue, normalmente, nos casos de prisões em flagrante.

-- 
Polícia Militar da Bahia 
6º Batalhão de Polícia Militar
Seção de Comunicação Social


sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Enfrentamento à Violência contra a Mulher: experiência baiana é destaque no 10º Fórum Brasileiro de Segurança Pública


O projeto Operação Ronda Maria da Penha, do Governo do Estado da Bahia, será um dos destaques do segundo dia do 10º Fórum Brasileiro de Segurança Pública, realizado na Fundação d   e Empreendimentos Científicos e Tecnológicos (FINATEC) da Universidade de Brasília.
O evento, que teve início ontem (21), conta com um painel sobre a violência doméstica contra a mulher e os 10 anos da Lei Maria da Penha nesta quinta-feira (22), com as presenças da Major da Polícia Militar da Bahia e Comandante da Operação Ronda Maria da Penha, Denice Santiago Rosário, e de Maria da Penha Maia Fernandes, personalidade que inspirou o nome da lei.  
A Bahia também será representada pela Subsecretária de Políticas para as Mulheres do Estado, Karla Ramos, que coordenará a Sessão “Violência contra a mulher e acesso à Justiça”, na tarde de amanhã (23), dia de encerramento do Fórum.
10ª edição

O Fórum Brasileiro de Segurança Pública está em sua 10ª edição, e tem como tema principal “Violência contra a mulher, Acesso à Justiça e o Papel das Instituições Policiais”, em celebração aos 10 anos da Lei Maria da Penha e ao primeiro ano da Lei do Feminicídio.

Com objetivo de qualificar o debate sobre violência contra a mulher, com a apresentação de diagnósticos, estratégias de intervenção e propostas de investigação, prevenção e repressão a partir do diálogo entre diferentes segmentos, o encontro reúne pesquisadores, representantes da sociedade civil organizada e do setor privado, policiais e membros do sistema de Justiça criminal.

Assessoria de Comunicação
Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM-BA)



quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Seca no Nordeste já dura 5 anos e pode se tornar ainda mais severa


A seca atual que aflige o Nordeste teve início em 2012 e se intensificou desde então. Ela já dura cinco anos e é considerada a mais severa em várias décadas. A intensidade e a persistência da atual estiagem podem ser indícios de que as mudanças climáticas já começam a cobrar sua fatura, aponta um estudo publicado na revista Theoretical and Applied Climatology.
"As projeções de clima geradas pelos modelos climáticos sugerem que, daqui para a frente, as estiagens mais severas e prolongadas tenderão a ser a regra, não mais a exceção", afirma o hidrologista e meteorologista José Antonio Marengo, do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) em Cachoeira Paulista, no interior de São Paulo.
A seca é um fenômeno natural no Nordeste. Há relatos da sua incidência desde o século 16, ou seja, desde o início da colonização do país. O clima hoje é semiárido, mas no futuro poderá não ser mais. Em outras palavras, o sertão pode se tornar uma zona árida e favorecer um processo de desertificação, afirma Marengo.
Atualmente, durante os meses chuvosos, há intervalos sem precipitação que duram de cinco a seis dias. O que as projeções indicam é que esses intervalos "secos" tenderão a ser mais numerosos e mais longos, podendo alcançar 40 dias.


Semana Nacional do Trânsito.


O policial Rodoviário Federal Cleriston Rodrigues,  representou  a PRF, Delegacia 10/04  em Senhor do Bonfim,em Entrevista na Rádio Caraíba AM , na manhã desta quarta-feira,dia 22 e  proferiu palestra com crianças no Colégio Sacramentinas, fazendo parte da programação da semana nacional do trânsito.
Aqui quando o Policial era entrevistado pelo repórter Cléber Vieira,  da Rádio Caraíba no Programa Canal Aberto do dia 21.09.16

>>>[Cléber]>>   CLÉRISTON RODRIGUES DA DELEGACIA 10/4 DA POLICIA RODOVIÁRIA FEDERAL >>>[Cléber]>>   Bom dia Clériston >>>[Clériston]> Bom dia a todos os ouvintes dessa conceituada Rádio, estamos aqui para celebrar a semana nacional do trânsito, instituído pela lei 9503/97 do código de transito nacional essa semana para fazermos um conjunto de ações nas escolas etc. no sentido de melhorarmos o transito e as prevenções,. Todos os anos a gente faz esse papel de palestras, de entrevistas para um transito sem violências. >>>[Cléber]>>   pelo numero de vitimas d no transito, já era hora de ter programas nas escolas, nossa geração na minha opinião esta perdida, acho que deveríamos fazer um projeto investindo nas crianças para daqui a uns trinta anos dezoito anos, mudar a cabeça da população, uma população mau-educada, pensa que motorista é so botar o carro pra frente e para trás, um prejuízo enorme ao estado, os hospitais de traumas, as pessoas ficam jogadas nos corredores por falta de vagas, um tratamento lento, um ano para se recuperar, então depende dos Deputados elaborarem projetos para educar as crianças nas escolas em relação ao transito. >>>[Clériston]> Tem que haver essa matéria, mas infelizmente nunca foi colocada, existe a previsão de se colocar a educação no transito desde a pré-escola ate a faculdade. >>>[Cléber]>>    Ai eu pergunto alem das palestras nas escolas qual vai  ser a extensão dessa campanha? . >>>[Clériston]> A PRF, vai alem das palestras, distribuir panfletos, abordagens educativas, cinema , convidamos os motorista a assistirem a vídeos rápidos do que acontecem nas estradas. >>>[Cléber]>>    Raramente acontece acidente aqui na jurisdição da Delegacia 10/4 o que atribui isso? >>>[Clériston]> A Condição da estrada, e do acostamento diminuiu bastante a quantidade de acidentes, porem quando ha colisão existe fatalidades maiores devido a velocidade, também o trabalho árduo da PRF diuturnamente, a gente ataca geralmente áreas onde esta acontecendo maiores números de acidentes, um programa nos da as áreas onde estão acontecendo maiores acidentes. >>>[Cléber]>>     Cavalos animais na pista no trecho de Bonfim/Juazeiro >>>[Clériston]> Diminuiu bastante, porque nos retiramos um numero de 300 a 400 animais ano passado, existe um frigorífico  que vem buscar para o abate. O Caprino também provoca acidentes, mas por ser menor de idade porte o acidente com eles geralmente tem menor conseqüências, é diferente um veiculo atropelar um caprino e atropelar um animal de maior porte, quanto ao jumento, com o advento das compras de motos, houve o abandono dos jumentos, mo Maranhão sofre com os jumentos que andam pelas pistas, local  onde passam carretas, com grãos e esses grãos vão para a pista, a noite os jumentos vão para o asfalto onde a temperatura é mais quente.>>>Aqui nos temos um carro gaiola, e fomos agraciados como outro veículo um fica em Bonfim e outro em Capim Grosso mas quando vamos fazer uma operação operamos como os dois. para a gente pegar um animal não é só ligar e a gente ir La no momento porque as tarefas da PRF são muitas precisamos fazer um convênio com as Prefeituras, alguma s foram parceiras com a PRF a de Bonfim deu uma ajuda a de Jaguarari deu uma parcela muito boa nesse sentido. Porque não e só prender os animais e preciso dar água comida etc. e  >>>>>>[Cléber]>>     Tem mais algum assunto sobre a semana do transito? >>>[Clériston]> Sim algumas informações do dia a dia que eu gostaria de tirar algumas duvidas e falar mais da lei 13381’ que tem algumas modificações para o transito boas e ruins como o aumento dos valores das notificações, PR exemplo o CRV o documento do veiculo que a  partir de novembro não vai ser mais obrigado a carregar desde que o agente fiscalizador tenha algum meio de consulta, pra gente não vai se muito bom, hoje a gente pode saber só no pegar do documento se o veículo é roubado, >>>velocidades nas vias rurais, o que é rodovia ? é uma via rural pavimentada, uma estrada é uma via rural não pavimentada, na pista vai continuar a velocidade a mesma de 110km quando sinalizada, o que mudou foi a velocidade do caminhão que era 80km e passou para 90km, na pista simples se não tiver sinalização  a velocidade cai para 100km, >>>CNH+ Tem  data de validade se vencer hoje as pessoas tem 3º dias a mais para entra no processo de renovação, permissão você pode rodar o Brasil todo, é aquela carteira primeira que você recebe como estágio, depois de um ano se ele não cometer nenhuma infração nem grave nem gravíssima, >>>Cinquentinha pode na BR?>>>Não o Maximo que e permitido para cinquentinha é acostamento.>>>Xérox de habilitação não vale mesmo autenticada, a lei de transito diz que não pode>>>As Categorias A para motos a B para veículos leves, a C para veículos leves a D para passageiros e a E para carretas. E para as motos a específica.>>>CRV Xerox não pode, documento em nome de outra pessoa? Pode sim, desde que você ande com o documento, comprovante de documento vale? Não vale por questões de entraves, no sistema, só quando da baixa. O Calendário das emplacações é de acordo com o estado.>>>O Conselho que a gente dá as pessoas é que comprem veículos em lojas de boa procedência, evitar comprar veículos em mãos de terceiros.>>>validade de pontos são 20 pontos que valem um ano>>>>lei de farol, está suspensa por uma determinação de uma liminar, que ate o momento não esta tendo fiscalização, se ela retornar não usem luz de estacionamento, e sim luz baixa.>>>Toda notificarão de transito a pessoa notificada tem direito a desconte de 20% quando paga no prazo>>>Valores das muitas vão aumentar ate 63% ate novembro. Portanto você motorista tome cuidado com a questão da segurança e coma questão do seu bolso. >>>As cadeirinhas vão de 0 a 1 ano que e o Bebe conforto que a criança deve ficar voltada na posição contraria ao movimento>>>Depois a cadeiinha de 1 ano ate 4 anos de 4 anos ate 7 anos e meio o assento de elevação afivelado,>>>Celulares muita de 293,47 centavos não so dirigir falando ao celular mas também manusear, discando mensagem. Informações nas Redes Sociais não procedem.


(Transcrição de Luiz Bamberg)

Convite aos profissionais de imprensa


quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Campanha para atualização da carteira de vacinação começou em Jaguarari.



A Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde - SESAB, iniciou nesta semana a Campanha Nacional de Atualização da Caderneta de Vacinação. Até o dia 30 de setembro, todas as Unidades de Saúde de Jaguarari vão disponibilizar todas as vacinas do calendário básico da criança e do adolescente, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

O dia D de vacinação acontecerá no sábado, 24 de setembro.Neste dia, estarão funcionando as Unidades de Saúde de Pilar, Flamengo, do Bairro Odilon Gonçalves, Unidade  Salomão Carvalho e um posto móvel no Calçadão da  Sede do município.

A Secretária Municipal de Saúde, Izabela Priscilla, recomenda que pais e responsáveis levem aos postos a Caderneta de Vacinação da Criança e do Adolescente, ou algum comprovante da situação das vacinas do menor. “Os documentos serão avaliados pelas equipes de saúde e eventuais doses que não tenham sido feitas na época indicada serão aplicadas”, disse.

As vacinas que estarão disponíveis para crianças menores de 5 anos que precisem completar os esquemas de imunização sãoBCG, Pentavalente, Rotavírus, Pneumo 10, Meningo C, Tríplice Viral, DTP infantil, contra varicela, contra poliomielite (VIP e VOPb), contra hepatite A, contra a hepatite B, entre outras.

Também haverá aplicação da segunda dose da vacina contra influenza especificamente para crianças que receberam a primeira dose durante a campanha de maio e ainda precisem completar o esquema vacinal com a segunda dose.

Para o grupo de adolescentes de 9 a 14 anos, estarão disponíveis as seguintes vacinas: Tríplice Viral, Dupla Adulto, contra hepatite B e contra HPV, esta última específica para as meninas. A vacinação não terá meta a ser alcançada, uma vez que se trata de completar os esquemas vacinais das crianças e adolescentes que eventualmente estejam em aberto.



São José é o vencedor do Campeonato Jaguarariense de Futebol 2016.


A grande final do Campeonato Jaguarariense de Futebol, edição 2016, aconteceu na tarde do último domingo, 18 de Setembro, no Estádio Municipal João Monteiro. A disputa ocorreu entre os times São José e União, tanto na categoria “Juvenil” quanto "Amador".Mais uma vez, a comunidade lotou o estádio e as torcidas vibraram a cada gol.

Na categoria “Juvenil”, o time do União venceu o São José por um placar de 3X2.

Já na categoria "Amador", a disputa foi acirradíssima, levando a torcida à loucura. Com um placar de 0x0 no tempo normal, a disputa foi para os pênaltis. Nas penalidades, o São José venceu o União por 6X5, conquistando o título de Campeão Jaguarariense de Futebol 2016. Além do troféu e das medalhas, os finalistas receberam uma premiação em dinheiro de R$ 7.200 para o time campeão e R$ 3.700 para o vice-campeão, na categoria “Amador”, e R$ 1.250 para o primeiro colocado e R$ 650 para o segundo, na categoria “Juvenil”.

O Diretor de Esportes da Prefeitura de Jaguarari, Jailton Ferreira, destacou a importância do esporte para os moradores do município. “O que a gente quer é isso. Qualidade de vida, interação social, bem estar e todo esse clima gostoso do esporte. Para alcançarmos esses objetivos, buscamos criar mecanismos para popularizar a prática esportiva ainda mais, tanto aqui no futebol, quanto em outras modalidades esportivas”, disse.

O campeonato foi realizado pela Prefeitura de Jaguarari, por meio do Departamento de Esportes da Secretaria Municipal de Educação e da LDJ – Liga Desportiva de Jaguarari, com apoio da Superintendência dos Desportos da Bahia (Sudesb).